O que é ortodontia funcional?

A ortodontia funcional é uma especialidade exercida por cirurgiões-dentistas já graduados e voltada ao tratamento e prevenção de desvios e doenças que afetam os maxilares. Assim, trata-se de um profissional que age em conjunto com outros, como ortodontistas e odontologistas-estéticos, a fim de recuperar a saúde e a formatação dos ossos que dão sustentação à dentição.

Além disso, é preciso salientar que pacientes de diferentes faixas etárias buscam por tratamentos específicos, ou seja, o atendimento dos profissionais especializados em ortodontia funcional objetiva solucionar problemas diferentes quando o paciente é uma criança e quando é um adulto. Para tanto, a ortodontia funcional desenvolve linhas de pesquisa e procedimentos para cada caso clínico.

Tratamentos e procedimentos mais realizados

Para compreender a abrangência da ortodontia funcional é preciso entender que, apesar de unidos e, muitas vezes, visto por leigos como “uma coisa só”, dentes e maxilares possuem maturação e desenvolvimento diferentes, por exemplo, um bebê já nasce com maxilares, mas sem dentes.

Porém, por estarem ligados entre si – maxilar e dentes-, o cirurgião-dentista especialista em ortodontia funcional indica e realiza procedimentos voltados aos ossos da face, mas que resultam em benefícios a todo conjunto, alguns exemplos:

  • O uso prolongado da chupeta e a não correção de hábito, como chupar o dedo, influenciam o desenvolvimento dos ossos e músculos maxilares deformando-os. Para esses casos, é comum que os ortodontistas funcionais indiquem o uso de expansores e aparelhos corretivos;
  • Já pacientes adultos que sofrem de DTM (disfunção temporomandibular) buscam pela ortodontia funcional a fim de realizar procedimentos que aliviem as dores de cabeça, cansaço na face e estalos ao mastigar e ainda colaborem para tratar o problema;
  • A ortodontia funcional também oferece tratamentos muito efetivos para correção e tratamento de apneia do sono (quando as vias respiratórias do paciente se fecham durante o sono) e bruxismo (ranger de dentes enquanto dorme);
  • Outros sintomas que podem ser tratados pela ortodontia funcional são zumbidos no ouvido relacionados à disfunções nos maxilares, queixo projetado para frente, não oclusão dental (quando os dentes frontais não se tocam), língua posicionada nos dentes da frente, dentre outros.

Qualidade de vida e autoestima

Como pode ser observado, a atuação da ortodontia funcional colabora com a manutenção e recuperação da saúde bucal e facial dos pacientes trazendo mais bem-estar e satisfação pessoal a crianças, jovens e adultos.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende ortodontia funcional: