Ortodontia e ortopedia facial: Atuação e diferenças

A ortodontia e ortopedia facial são especialidades distintas da Odontologia, porém, na maioria dos casos, elas atuam em conjunto para sanar desvios e problemas que afetam o maxilar e a dentição dos pacientes de quaisquer fixas etárias. Assim, o ortodontista é o profissional que pesquisa, diagnostica e trata desvios que afetam o alinhamento dos dentes visando corrigi-los.

Já o ortopedista facial se volta ao estudo, compreensão, observação e tratamento de problemas que afetam os ossos, articulações e músculos da face. Estes, em casos de má formação, por exemplo, podem afetar o desenvolvimento e distribuição dos dentes na arcada dentaria. Daí poder-se afirmar que a atuação da ortodontia e ortopedia facial em muitos casos se complementa.

Casos clínicos, procedimentos e dispositivos

Por atuar em esferas diferentes, os estudos e pesquisas da ortodontia e ortopedia facial desenvolveram dispositivos, métodos de tratamento e exames específicos, assim, vale a pena conhecer um pouco mais sobre eles e sua contribuição à saúde humana:

  • Dentes mal posicionados, separados ou encavalados podem ser tratados com o uso de aparelhos ortodônticos, que devem ser fixados e ajustados pelo ortodontista. Em geral, nesses casos, apenas a atuação deste profissional é suficiente;
  • Já pacientes com disfunções na articulação temporomandibular (DTM) têm a sua disposição uma série de tratamentos, terapias e procedimentos desenvolvidos pela ortopedia facial e aplicados por seus profissionais que, em geral, são médicos-cirurgiões;
  • Pacientes com desvios na formação dos maxilares e do palato geralmente sofrem com a má disposição dos dentes na arcada dentária que projeta os dentes e o queixo para frente ou para trás, esse é um caso clássico que pede a atuação conjunta da ortodontia e ortopedia facial;
  • Casos de pacientes que sofrem acidentes também demandam a aplicação de técnicas e conhecimentos pertencentes à ortodontia e ortopedia facial, além disso, ambas especialidades oferecem tratamentos a fim de evitar problemas bucais futuros.

Em prol da saúde humana

Cada avanço e descoberta realizados pela ortodontia e ortopedia facial significam mais saúde e bem-estar às pessoas, afinal, há apenas alguns séculos atrás, não era comum ver idosos ainda com dentes originais, o que hoje já é uma realidade graças ao desenvolvimento científico e tecnológico da Odontologia.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende ortodontia e ortopedia facial: